bwin

Notícias

bwin - pague R$ 623 mil para alugar Kombi elétrica

Kombi elétrica está disponível apenas por assinatura com custo/benefício duvidoso. ID.Buzz tem motor elétrico de 204 cv

Volkswagen ID.Buzz: Kombi elétrica somente por assinatura no Brasil

AVolkswagen oferece de forma oficial a ID.Buzz, a Kombi elétrica, para o mercado brasileiro. O modelo 100% elétrico com visual retrô que remete ao clássico utilitário roubou atenções numa propaganda que parou o Brasil. Mas há um detalhe: ela está disponível apenas por assinatura! A marca alemã resolveu não vender o produto, mas oferecê-lo por assinatura de módicos R$ 13 mil mensais com fidelidade de quatro anos. A simpática Kombi não merecia uma estratégia tão ruim!

LEIA:
Dono protesta com Volvo XC40 queimado na porta da concessionária
GWM Haval H6 vende mais que Corolla Cross em maio
VÍDEO | Nissan Sentra 2023 Exclusive ganha pelo design e conforto


Jeep Renegade é investigado pelo MP por grave defeito

Novo carro popular: Governo reduz imposto para modelos até R$ 120 mil

Vamos aos fatos: para ter uma ID.Buzz na garagem você vai pagar R$ 12.990 por um contrato de 48 meses e limite de 1.500 km por mês. Caso você rode mais, terá que pagar R$ 2,50 pelo km excedente. É possível contratar por um mínimo de 24 meses e ampliar o limite para 3,1 mil km por mês. A mensalidade sobe para R$ 17.890 nesse caso.

Tomemos a opção menos cara, de R$ 12.990. Após quatro anos com a Kombi elétrica, o cliente terá desembolsado R$ 623.520 para desfilar de ID.Buzz. Ele não terá ‘problema’ com desvalorização do carro elétrico, nem a preocupação do futuro da bateria. A parcela inclui seguro (com franquia de R$ 20 mil), tributos e revisões. Mas há um problema nesse ‘investimento’: o cliente não será dono do carro.

Com o mesmo valor de R$ 623 mil gastos ao longo de quatro anos, um entusiasta de carros elétricos poderia adquirir um modelo similar ou até mesmo mais potente, como os da Audi, Mercedes ou BMW. Existem também opções da marca BYD, entre outras.

Caso seja do seu interesse fazer tal negócio, saiba que são apenas 70 unidades disponíveis alusivas aos 70 anos da Volkswagen do Brasil. A Kombi elétrica pode ser alugada nas cores metálicas Azul Starlight e a tradicional combinação “saia e blusa” Branco Candy & Amarelo Pomelo.

Kombi Elétrica

Kombi T1 vista do interior com estilo retrô mas com recursos tecnológicos da ID.Buzz

O modelo ID. Buzz é produzido na fábrica da Volkswagen em Hannover, Alemanha, e possui um design futurista que incorpora elementos tecnológicos desde o primeiro olhar. Na versão Pro, a Kombi elétrica tem faróis IQ. Light Matrix que parecem “conectados” com a assinatura noturna na grade frontal. Esas linhas remetem à clássica Kombi. A minivan tem rodas de liga leve de 20 polegadas e espelhos retrovisores externos com luzes indicadoras de direção integradas.

RecebanotíciasnoWhatsApp!
Inscreva-se em nosso canal no YouTube
Assine nosso canal no Telegram

Ao entrar no interior da Kombi elétrica, destaque para a tela de 12 polegadas, chamada “Ready 2 Discover,” oferece um sistema de estacionamento semi-autônomo chamado Memory Park Assist Plus. Tem ainda carregamento de celular por indução, espelho retrovisor interno antiofuscante automático, sensor de chuva, freio de estacionamento eletromecânico com função Auto-Hold, painel de instrumentos LED de 5,3 polegadas (ID.Cockpit) e volante multifuncional com botões sensíveis ao toque e função de aquecimento.

Segurançae motor

A Kombi elétrica atingiu a classificação máxima de segurança nos testes do Euro NCAP. Isso se deve à estrutura sólida do veículo e aos recursos de segurança de última geração, que incluem Frenagem Autônoma de Emergência, sete airbags, sensor de fadiga, assistente de conversão na transversal, assistente de condução ativa e muito mais.

A Kombi ID. Buzz é baseada na plataforma modular elétrica (MEB) do Grupo Volkswagen, é a primeira plataforma escalável de grande produção no mundo para veículos totalmente elétricos.

O modelo é alimentado por uma bateria de 77 kWh que fornece energia a um motor elétrico de 204 cv no eixo traseiro. A carga pode ser realizada com até 170 kW em estações de carga rápida de corrente contínua (DC), permitindo que a bateria seja carregada de 5% a 80% em cerca de 30 minutos. Tem autonomia de 420 quilômetros (WLTP).

VW Sign&Drive

O programa de assinatura VW Sign&Drive tem duração de 24, 36 ou 48 meses e incluem serviços de manutenção, seguro, documentação, logística de entrega, assistência 24 horas, gestão de multas e rastreamento. Os clientes também podem optar por alugar ou comprar um wallbox de 7,4 kW com condições exclusivas do programa Sign&Drive.

Thiago Ventura

Thiago Ventura é jornalista especializado em veículos e fotógrafo. Com mais de dez anos de jornalismo online, tem passagens por portais, jornais e TV dos principais veículos da imprensa mineira thiago@huanzhongyun.com

Posts recentes

Volkswagen terá motor híbrido flex e picape Tarok no Brasil

Picape média-compacta terá motor híbrido flex para disputar com Fiat Toro e Ford Maverick. Tarok…

1 hora

Volta do imposto de importação para carros elétricos é decisão acertada

Quem só deseja importar nunca deveria ter o mesmo tratamento de quem produz ou vai…

3 dias

Sul-Brasileiro 2023 terá carros raros e exóticos, confira

Evento de carros antigos na Serra Gaúcha terá clássicos e modelos raros. Encontro Sul-Brasileiro acontece…

4 dias

Iveco Daily Hi-Matic ganha câmbio AT para disputar com Ford Transit

Comercial leve agora tem câmbio automático de oito marchas. Iveco Daily Hi-Matic tem motor diesel…

4 dias

Entrevias terá que indenizar motorista que teve vidro quebrado por pedrada

Decisão do TJDFT condena concessionária por dano a veículo atingido por pedra. Entrevias alegou que…

5 dias

Renault Twingo 2026: agora elétrico e abaixo de R$ 100 mil

Renault apresenta conceito do novo Twingo 2026. Hatch elétrico será vendido pela Ampère, empresa de…

5 dias
bwin Mapa do site